14052021Sex
AtualizadoSex, 14 Maio 2021 2am

PUBLICIDADE
Daichii Sankyo

FDA concede revisão prioritária para combinação de cabozantinibe e nivolumabe no câncer renal avançado

RIM NET OK HORIZONTALA US Food and Drug Administration (FDA) aceitou os pedidos de Aplicação de Licença Biológica (sBLA) e Nova Aplicação de Droga (sNDA) para a combinação de cabozantinibe e nivolumabe para pacientes com carcinoma de células renais avançado. Os pedidos foram baseados nos resultados do estudo de Fase III CheckMate -9ER, apresentados no Simpósio Presidencial do ESMO 2020.

CheckMate -9ER é um estudo de Fase III aberto, randomizado, que avalia pacientes com carcinoma de células renais avançado ou metastático não tratados previamente. Um total de 651 pacientes (23% risco favorável, 58% risco intermediário, 20% alto risco; 25% PD-L1 ≥ 1%) foram randomizados para receber cabozantinibe e nivolumabe (n = 323) vs. sunitinibe (n = 328).

O endpoint primário foi sobrevida livre de progressão (SLP). Os endpoints secundários incluíram sobrevida geral (SG) e taxa de resposta objetiva (ORR). A análise de eficácia primária foi a comparação da combinação com sunitinibe em todos os pacientes randomizados.

Em um período mediano de 18,1 meses de acompanhamento todos os endpoints de eficácia foram atendidos. N + C melhorou significativamente a SLP (HR 0,51 [IC 95% 0,41–0,64], P <0,0001; mediana, 16,6 versus 8,3 meses) e a SG (HR 0,60 [98,89% CI 0,40-0,89]; P = 0,0010; medianas não alcançadas) vs sunitinibe. Os resultados foram consistentes, independentemente do score de risco IMDC pré-especificado e em todos os subgrupos PD-L1. A ORR (IC de 95%) foi significativamente maior com N + C v S (55,7% [50,1–61,2] versus 27,1% [22,4-32,3]; P <0,0001), e 8,0% vs 4,6% dos pacientes obtiveram resposta completa. A mediana de duração de resposta foi de 20,2 vs 11,5 meses, novamente com superioridade do braço de combinação.

A combinação foi bem tolerada, com uma baixa taxa de interrupções relacionadas ao tratamento, e refletiu os perfis de segurança conhecidos da imunoterapia e Do inibidor da tirosina quinase em pacientes com carcinoma de células renais não tratados previamente. Os resultados relatados pelos pacientes também demonstraram que a combinação foi associada a melhorias estatisticamente significativas na qualidade de vida em relação ao sunitinibe.

O estudo foi financiado pela Bristol Myers Squibb e Ono Pharmaceutical Co, e co-financiado pela Exelixis, Ipsen e Takeda Pharmaceutical Company Limited.

 

Publicidade
MULHERES NA CIÊNCIA
Publicidade
SANOFI
Publicidade
banner astellas 2019 300x250
Publicidade
banner libbs2019 300x250
Publicidade
Zodiac
Publicidade
300x250 ad onconews200519